Páginas

sábado, 2 de março de 2019

Convocação de contratados para tumultuar sessão e apoiar Alex a arquivar processo contra Cristino deve ser investigado

Por Marcio Maranhão 
A denuncia foi feita por alguns vereadores e logo se espalhou a copia de uma solicitação do Chefe de Gabinete do prefeito Cristino, convocando servidores municipais, principalmente contratados, a estarem presentes no dia e horário da sessão ordinária do Poder Legislativo Municipal, que definiria a nova data para a votação de cassação do prefeito Cristino. 

A solicitação recomenda que servidores, pagos com dinheiro público, em pleno horário de expediente, se ausentem de suas atividades para dar apoio ao presidente da câmara Alexcrei Carvalho Silva- o Alex do Giquiri, que pela própria solicitação deixa claro, já está alinhado com o prefeito Cristino, além de outros três vereadores que são subordinados aos caprichos do presidente da câmara. 

Os servidores compareceram, tumultuaram os serviços da casa legislativa, criando a situação perfeita e certamente orquestrada, para Alex agir em prol de Cristino, dando por encerrado os trabalhos da Comissão Processante, extinguindo o processo que investigava crimes de responsabilidade do prefeito e encerrando a sessão. Tudo de forma monocrática em uma casa colegiada. 

A atitude do prefeito em desviar servidores em horário que deveriam estar no exercício de suas funções para atuarem em causa pessoal de Cristino, caracteriza improbidade administrativa, peculato causando prejuízo ao erário público e prática de constrangimento ilegal. O Ministério Público precisa investigar tais ações, uma vez que a sociedade foi lesada duplamente. Porque paga o salário desses servidores e eles atuaram na satisfação pessoal do gestor em detrimento do interesse de toda a sociedade. 

Caso semelhante, explorado pela mídia nacional, aconteceu em Camaragibe – Pernambuco. 

Reveja:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...