Páginas

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

COM AUXÍLIO-MORADIA, DALLAGNOL É MAIS UM MORALISTA SEM MORAL

Marcelo Camargo/Agência Brasil
247 - O coordenador da Lava Jato no MPF, procurador Deltan Dallagnol, assim como os juízes federais Sérgio Moro e Marcelo Bretas, também recebe auxílio-moradia, mesmo tendo imóvel próprio.

O procurador recebe R$ 6.659,73 de verbas indenizatórias por mês, dos quais R$ 4.377,73 são de auxílio-moradia. O restante dos penduricalhos é composto por R$ 884,00 de auxílio-alimentação e R$ 1.398,00 de auxílio-pré-escola.

Além de ter imóvel próprio, Deltan chegou a comprar dois apartamentos em um prédio do Minha Casa Minha Vida, programa do Governo Federal de financiamento de imóveis com juros mais baixos. Os imóveis foram comprados à vista, sem financiamento do programa.

"Só falta um PowerPoint p/ mostrar o absurdo e imoral privilégio mensal, que vale mais de quatro vezes o salário mínimo", criticou a página do PT na Câmara no Twitter. O deputado Decio Lima também questionou se o benefício do procurador também não seria corrupção. 

"Isso não é roubar do povo brasileiro? Precisa de powerpoint para a resposta?", questionou o deputado Décio Lima. 

Segundo a ONG Contas Abertas, desde 2014 já foram empenhados R$ 5,4 bilhões com o benefício para membros do Judiciário e do Ministério Público em todo o país.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...