Páginas

quarta-feira, novembro 29, 2017

MPE precisa agir em Araioses, tal qual age em outros municípios. MP no combate ao nepotismo determina a exoneração de filhos, mulher e ex-mulher, mais dois irmão em Peri-Mirim

MP descobre filho, mulher, ex-mulher, dois irmãos de prefeito empregados no município

O prefeito de Peri-Mirim, José Geraldo Amorim Pereira (foto abaixo), nunca atendeu aos pedidos do Ministério Público para que fornecesse nome e cargos de parentes seus empregados na prefeitura. Ele tentou esconder a folha, mas agora será obrigado a exonerar uma penca deles.
A Promotoria de Justiça da Comarca de Bequimão já ingressou com uma Ação Civil Pública pela prática de nepotismo contra o prefeito. Ele emprega José Geraldo Amorim Pereira Filho no cargo de secretário municipal de Finanças e Gestão Administrativa; João Domingos Amorim Pereira, irmão do prefeito, é o secretário de Obras e Transporte.

Outro irmão do prefeito, Antônio Amorim Pereira é assessor jurídico da prefeitura. Também figuram na lista a ex-esposa de José Geraldo Pereira, Indiara Araújo Pereira (chefe de odontologia); a atual companheira do prefeito, Walkíria Amorim França, com cargo na Secretaria Municipal de Saúde; e Flávia Caroline Marques Amorim, sobrinha do gestor, com cargo na Secretaria Municipal de Educação.

Também foi apontada a falta de qualificação profissional para o exercício dos cargos. O filho do prefeito, exercendo o cargo de secretário de Administração e Finanças, por exemplo, não tem formação em contabilidade ou administração. O secretário de Obras e Transportes, João Domingos Pereira, também não tem qualquer formação na área de engenharia de transportes que justificasse tecnicamente a sua escolha para a pasta..

Na ação, o Ministério Público requer a declaração de nulidade dos atos de nomeação de José Geraldo Amorim Pereira Filho, João Domingos Amorim Pereira, Antônio Amorim Pereira, Indiara Araújo Pereira, Walkíria Amorim França e Flávia Caroline Marques Amorim.

Também foi pedido que a Justiça determine ao prefeito José Geraldo Amorim Pereira que apresente a relação completa de secretários, secretários adjuntos e dos servidores contratados de forma precária, sem prévia aprovação em concurso público, especificando os que se enquadrem em situação de nepotismo, além dos respectivos atos de exoneração, sob pena de multa diária em caso de descumprimento.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...