Páginas

sexta-feira, agosto 04, 2017

De onde vem o dinheiro que compra apoio político à Cristino

Por Marcio Maranhão
Ainda que milhões se registrem pontualmente nas contas da prefeitura de Araioses nos dias 10, 20 e 30 de cada mês, falta o básico em todas as áreas e departamentos da administração: No hospital falta remédio, esparadrapo, lençóis, comida e até papel higiênico. Nossas escolas estão sucateadas; ventiladores, impressoras, computadores e bebedores quebrados, salas insalubres e banheiros sem descarga e sem portas, sem falar nas constantes falta de merenda. Ruas esburacadas e sem iluminação pública, para todo e qualquer serviço, por mais simples que seja, a explicação é a mesma: O MUNICÍPIO NÃO TEM DINHEIRO.

Então de onde vem tanto dinheiro que garante o apoio dos sete vereadores da base governista, que compra o silêncio de opositores, negocia com lideranças em povoados. Por que a estes não falta dinheiro? Por que o dinheiro que asseguraria o mínimo para todos, a poucos garante as máximas regalias que vão desde gasolina à vontade, diárias em hotéis cinco estrelas e passagens áreas, aluguéis de carros com mensalidades superior ao valor do veículo, festas e tantas outras coisas que envergonharia qualquer cidadão, mesmo em municípios ricos do país.

Enquanto nos torturam, o novo secretário foi finalmente à câmara de vereadores no retorno das atividades legislativas municipais, e como um mantra, repetiu o discurso do governo: NÃO TEM DINHEIRO, e ainda avisou que pelo mesmo motivo, é possível haver atrasos nos salários de servidores.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...