Páginas

segunda-feira, maio 01, 2017

Temer compra votos. Isso não é corrupção?

Beto Barata/PR
Se isso que Temer está fazendo com os deputados não é corrupção, não sei mais o que é corrupção.

Ele, que nunca deixou de ser presidente da Câmara mandou listar os deputados aliados que votaram contra a reforma trabalhista.

E determinou que os empregos que ganharam no governo serão anulados.

Primeira constatação: deputados que receberam cargos por votar a favor do impeachment e achavam que a barganha terminava ali estavam completamente enganados.

Agora estão sabendo que o pagamento pelos cargos não se esgotou na deposição da presidente Dilma, é um dízimo que só termina quando o governo Temer terminar.

Ao nomear alguém indicado pelo deputado, Temer o recompensou; ao demitir vai castigá-lo.

Ou seja: Temer está usando cargos que são do estado para comprar votos para o seu governo.

Em que isso é diferente de um candidato que paga pelos votos que irá receber na urna?

O mais chocante é que atos de compra de votos geralmente são realizados nas sombras, mas essas manobras de Temer são feitas à luz do dia, em reuniões que constam da agenda e as notícias saem nos jornais.

Se faltava algum ato inerente à sua gestão para justificar o impeachment de Temer aí está um.

E as provas são abundantes.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...