Páginas

sexta-feira, abril 14, 2017

Santa Quitéria com Alberto Rocha comemorará 105 anos com mais liberdade e nova esperança

Por Marcio Maranhão
Prefeito Alberto Rocha
Prestes há completar 105 anos, a cidade de Santa Quitéria respira novos ares sob a administração do empresário Alberto Rocha, que mesmo tendo recebido o município após anos sob o comando de um único grupo político que o deixou sucateado e pouco fizeram pela estrutura da cidade. Alberto Rocha em apenas três meses já mudou a cara do município, restabeleceu a esperança dos quiteriense e retomou antigos projetos de crescimento e desenvolvimento da região. 

Com Alberto Rocha os cidadãos de Santa Quitéria tem percebido como há muito tempo não viam, a administração pública funcionar, serviços chegarem a quem realmente precisa, mais transparência na prefeitura e secretarias importantes para o gerenciamento municipal, realmente trabalharem para todos, ao invés de privilegiarem somente certas famílias ou beneficiar determinado grupo político.
Secretário estadual de agricultura Adelmo Soares e adjunto, Manoel da Polo e Abigail, almoçam junto com Alberto Rocha em Santa Quitéria, que sempre tem a casa cheia de populares e amigos que apoiam o seu trabalho em prol de todos os quiterienses


Diálogo com vários setores da sociedade como associações, sindicatos, igrejas, comerciantes e demais empresários do próprio município e de outras cidades, objetivando o trabalho em conjunto pelo progresso de Santa Quitéria, além da determinação e incansável busca por parcerias junto ao governo federal e do estado, tem sido marca constante do governo de Alberto Rocha,que junto com sua vice-prefeita e secretários não tem medido esforços para virar a pagina de décadas de abandono do município.


Alberto Rocha e Manoel da Polo, ambos muito queridos em seus municípios, são os políticos mais populares e sem rejeição na região do Baixo Parnaíba atualmente


Em uma rápida conversa, por ocasião da visita do secretário de Agricultura estadual no município Adelmo Soares, e na companhia do vice-prefeito de Araioses Manoel da Polo, Alberto Rocha falou do seu trabalho e esforço nesses três primeiros meses de mandato, se encaminhando para completar quatro, no sentido de retirar o município do buraco deixado pela administração anterior. Falou dos desafios diários de governar uma cidade como Santa Quitéria e nos partilhou os seus planos para trazer a indústria para a região e transformar o município auto-suficiente, para que os cidadãos e o comercio não dependa exclusivamente da prefeitura para gerar empregos e circulação de dinheiro na cidade. 

Confira a programação para o dia da cidade


Um pouco da Historia de Santa Quitéria do Maranhão

Com uma população estimada segundo o ultimo senso do IBGE de 25.192 habitantes, o município originou-se do antigo distrito de São Bernardo do Parnaíba, pertencente a São Bernardo. Em 16 de abril de 1912, o distrito foi elevado à categoria de vila, com a denominação de Santa Quitéria. Esta foi extinta em 1932 voltou a ser um distrito, desta vez pertencente ao município de Brejo. Em 1935 recebeu novamente o estatuto de município, renomeado em 1943 para Bacuri. Voltou à denominação de Santa Quitéria do Maranhão em 1948

Em maio de 2005, Santa Quitéria do Maranhão tornou-se o primeiro município brasileiro a erradicar o sub-registro civil. Para isso, foi realizada, a partir de 2003, a campanha Registro é o direito de ter direitos, mediante uma parceria entre a Promotoria da Justiça de Santa Quitéria, o Poder Judiciário local e o Centro de Defesa e Promoção dos Direitos da Cidadania. Na época, 24% da população não existiam legalmente. Em vários casos, as pessoas acreditavam que a certidão de batismo equivalia à certidão de nascimento. Através de mutirões e outras ações coordenadas pelo Ministério Público, com apoio do Unicef e de outras instituições, mais de 3.500 pessoas foram então registradas. Como resultado, a demanda por direitos da família e do cidadão aumentou em 40% desde então, destacando-se os pedidos de bolsa-família, aposentadoria, ações de alimentos e investigações de paternidade. Santa Quitéria recebeu o "Certificado de primeiro Município do Brasil a garantir a todos os seus cidadãos o Registro Civil de Nascimento", concedido pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, e o nome do Município foi dado a uma das categorias do Prêmio Direitos Humanos. A experiência tornou-se modelo para o restante do Brasil.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...