Páginas

domingo, abril 30, 2017

O que comemorará neste 1º de maio os servidores públicos municipais de Araioses?

Por Marcio Maranhão
Falta de merenda nas escolas, médico e remédios no hospital e nos postos de saúde, ruas e estradas intrafegáveis, sem acostamento e com mato em toda a sua extensão, à noite, tudo fica às escuras por falta de iluminação pública na sede, nos bairros e nos principais povoados do município. Em qualquer ponto da cidade, seja no centro ou nos bairros, buracos, animais soltos e a sujeira tomam conta das ruas, sem falar quando chove que tudo fica alagado. Crianças sem ônibus para ir à escola, sem carteira para sentar, professores sem estrutura e ainda escrevendo em quadro de giz. Escolas sem higiene, sem água potável e profissionais sem ter com quem contar. Enquanto isso nos cofres do município, milhões são contabilizados todo dia dez, vinte e trinta de cada mês.

Com um governo se encaminhando para ser um dos mais corruptos da historia, apoiado pelo presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Araioses – SINDSEPMA, o que podemos esperar para amanhã, primeiro de maio? Até ano passado o povo araiosense assistiu por ocasião da sublime data, carro de som na rua, protestos nas redes sociais e manifestação em praça pública no Dia do Trabalhador. 
Resultado de imagem para arnaldo machado Araioses
Mas, agora que o presidente Arnaldo Machado faz parte da panelinha de Cristino, a entidade que no passado bem recente foi a mais atuante da região do Baixo Parnaíba não tem mais nada para reivindicar e somente o que comemorar?

Comemorar a perseguição de vários servidores que tiveram que se submeter, por omissão do sindicato, aos caprichos de secretários e da esposa do prefeito;

Comemorar o silêncio do sindicato diante das transferências irregulares, que tramitam na justiça e outras que já retornaram a seus postos, sem que o SINDSEPMA movesse uma palha;

Comemorar a vergonhosa ostentação dos parentes e secretários do governo em paraísos turísticos e hotéis cinco estrelas, enquanto o povo morre a míngua no município;

Comemorar o uso de dois pesos e duas medidas, ao expulsar o Teté por este ter se declarado governo, enquanto agora aplaudem Arnaldo, que quanto presidente do sindicato está do lado do patrão e é vereador governista;

Comemorar a perca de direitos de motoristas e técnicos de enfermagem; 

Comemorar a subversão de uma entidade que já foi muito respeitada, por conta da submissão do seu presidente às ações e omissões de um governo autoritário;

Comemorar o aumento da burocracia até para se emitir um simples contracheque;

Comemorar uma diretoria de joelho porque o presidente é o único porta voz e representante, que ao negociar o seu apoio ao governo, comprometeu toda a diretoria que colhe os ônus da negociata, enquanto o presidente fica somente com o bônus...

... E viva o primeiro de maio, Viva o trabalhador araiosense!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...