Páginas

segunda-feira, abril 03, 2017

Araioses: Justiça decreta o fim de mais um ato de perseguição de Cristino a servidores públicos, mesmo diante do silêncio do sindicato

Por Marcio Maranhão
Perseguição de Cristino a servidores que não votaram nele aos poucos é desconstruída pelo poder judiciário. E apesar da omissão e do quase nada feito pelo sindicato que deveria estar do lado da categoria ao invés de diretores puxando o saco do prefeito, servidores removidos gradativamente retornam aos originais setores de trabalho.

É o caso da servidora Aurineia Oliveira, que por questões injustificadas, foi transferida do Hospital Nossa Senhora da Conceição, para o posto de saúde do povoada São Paulo, distante mais de 50 quilômetros da sede.

Liminarmente Dr. MARCELO FONTENELE VIEIRA, Juiz de Direito Titular da 1ª Vara da Comarca de Araioses, determinou o retorno imediato sob pena de multa de R$ 500,00 dia da servidora ao seu antigo local de trabalho. Em seu despacho, Dr. Marcelo esclareceu que no análise das razões e contra razões apresentada pelas partes, não encontrou justificativas legais que motivasse a remoção e por isso determinava o retorno.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...