Páginas

sábado, dezembro 24, 2016

Eita povo que sofre



Foi linda a atitude de alguns deputados estaduais do Maranhão que, em plena crise que vem devorando o País, aprovaram um aumento de cem por cento nos subsídios do governador, do vice-governador e dos secretários. 

Eita inferno que vive o povo do Maranhão: passa necessidade e, além de engolir um aumento nos impostos, ainda tem que ver os dinossauros devorarem tudo sob a guarda de dois leões, naquele palácio.

Em Cuba, o povo ajudou a derrubar o ditador Fulgêncio Batista e entrou outro ditador: Fidel Castro. Mas no Maranhão, o povo quis derrubar a oligarquia Sarney, mas foi pior: retroagiu para a época dos dinossauros. Ou seja, tudo ficou nas trevas. Que pena, povo do Estado do Maranhão. 

É com imenso pesar que o nosso Natal seja regado a alguns comentários de decepção; enquanto o deles é de comemoração. Comemoração essa que podem fazer empréstimos, sufocando mais a dívida do Maranhão, e também por ter uma dívida que cada Estado pode renegociar por vinte anos com a União e ainda pode entrar o Estado em recuperação fiscal. Isto é bom para os governantes que não têm responsabilidade com o erário e bens públicos. Oh! Que bonitinho! Que fofura! Que gracinha! Meu Deus, vamos dizer assim: é brincadeira um clientelismo desses. 

Agora, para o escárnio de alguns políticos que riem da sociedade maranhense: três palminhas e uma vainha. Uuuuuuuuuuuuuuuuuu.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...