Páginas

domingo, setembro 04, 2016

Cristino, ainda não se elegeu a nada no município e já estar perseguindo filhos de Araioses

O candidato que não sabe dar um bom dia e um sorriso desinteressado, tem demonstrado que também não sabe conviver com criticas. É bem verdade que ele não é obrigado a dar um copo d’água pra ninguém de graça, tão pouco manter os seus portões abertos para o povo, como assim também nunca fez a ex-prefeita, nem ser simpático com ninguém, afinal um bom dia, um sorriso, um gesto de gentileza e sociabilidade são convenções sociais e não regras do ordenamento jurídico nacional. Mas, não saber ouvir uma critica mais incisiva ou uma sugestão menos branda, é algo preocupante para quem se diz preparado para exercer cargo público em nosso regime democrático. Ou ele acha que por gozar do maior salário dentre os araiosenses pode pisar nos filhos dessa terra e impor um regime de exceção?

Será que deseja tanto o poder para transformar nosso município em uma ditadura onde só se fala e faz o que ele quer?

Tenho afirmado que os amigos dos meus amigos são também meus amigos, mas ao me deparar com a realidade que nunca fui um amigo e sim um objeto que perdeu o valor por não poder mais ser usado. Não há mais razão para defender tanto, quem não teve a coragem de fazer um protesto sequer a meu favor.

Mas graças a Deus o manifesto dos verdadeiros amigos, já passam de 200 assinaturas e mostraremos ao “perseguidor do bigodon”, que em Araioses, não será um nefasto burguês que nos humilhará. Houve nesse município quem passou quatro anos me processando e até hoje não logrou êxito, por final, teve que reconhecer que o melhor caminho é o diálogo ao invés do confronto.

Parafraseando o até pouco tempo secretario de comunicação do governo de Valéria do Manin e agora porta voz de Cristino, Daby Santos, que por meio das redes sociais esbaforiu criticas ao candidato Weliton do Posto, ao se sentir ameaçado frente a um processo judicial. Quero me apropriar com a devida vênia de suas palavras, que as considero muito adequada também ao candidato Cristino.

“... se acha no direito de ser candidato a prefeitura de nossa cidade, mesmo sem ter nenhuma vivência aqui e muito menos, uma pequena que seja, história de luta na defesa dos direitos de milhares de araiosenses, mas não quer que eu, um araiosense de verdade, que vivo, moro e trabalho aqui, ...
...A que ponto nós chegamos, ... mas esse forasteiro que na verdade, ninguém daqui sabe realmente quem é se acha que pode tudo e nós não podemos nada.
Ainda bem que a vontade desse cidadão não é a vontade do povo de Araioses e muito menos a vontade de Deus.Estou confiante, pois sei que aqui em Araioses posso confiar na justiça dos homens, principalmente porque sempre confiei na Justiça de Deus.”.

E ao “perseguidor do Bigodon”,que me escolheu para inimigo,trataremos a partir de agora dessa trajetória de quase trinta anos em Araioses. E que aqui nunca se importou verdadeiramente com nossa gente,a não ser para explora-lo economicamente através de serviços médicos a peso de ouro. O que o manteve aqui todos esses anos, e o porquê somente agora depois de ter participado de quase todas as administrações anteriores, se dizer preocupado com a saúde do município?

Marcio Maranhão
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...