Páginas

segunda-feira, agosto 08, 2016

Eleições de Araioses: Todos são fortes, mas somente um será vitorioso no dia 2 de outubro

Em poucos momentos da historia política de Araioses tivemos uma eleição tão concorrida como a que por ora vemos se desenrolar no município. São quatro candidatos, todos com boas chances de chegar lá, sentar por cinco anos na cadeira principal do executivo e determinar os destinos dos munícipes, com reflexos positivos ou negativos durante e pós-mandato.



Weliton do Posto

O empresário é natural do Ceará,mas ao que se sabe,fez sucesso nos negócios na cidade do Rio de Janeiro. Está na cidade há alguns anos e manifestou o interesse de concorrer nas eleições de outubro próximo meses antes das definições das pré-candidaturas. Tem o segundo maior grupo político do município, mas pouca qualidade no que se refere à simpatia do eleitor. O que tem refletido na baixa popularidade do candidato e revelado que o binômio qualidade e quantidade é cruel com os menos afetados aos detalhes. Por ser um dos primeiros candidatos a colocar o seu nome a disposição do crivo do eleitor araiosense, Weliton do Posto nos permite outro grande ensinamento: Marketing pessoal e uma boa assessoria são fundamentais para qualquer homem ou mulher que deseja entrar na vida pública, porque as pessoas são livres e podem pensar o que quiserem a nosso respeito, mas na diversidade de opiniões infundadas, temos que colocar uma opção carregada de oficialidade, que represente o que desejo/sou.

Luciana Trinta

Ex-prefeita de Araioses e esposa do ex-deputado Remi Trinta, é sem duvida a mais bem aparelhada e assessorada no que se refere ao jogo e as manobras políticas. Diante da Família Trinta, todos os demais ainda estão engatinhando. Envolvida em escândalos de corrupção no cenário estadual e nacional, os Trinta sempre estiveram no poder, seja diretamente ou nos bastidores. Na Assembleia Legislativa Estadual, na Câmara Federal dos Deputados ou em Secretarias e cargos de chefia no governo do estado do Maranhão, eles sempre estiveram lá, e sua historia muitas vezes se confunde com a de outras oligarquias no estado.

Embora prefeitura seja café pequeno para eles, a experiência em Araioses parece ter sido um bom negócio, a ponto de estar sendo disputada com todas as armas pela família, que já é uma das mais ricas do estado. Depois de levar uma das maiores surras eleitorais da historia, que a desmoralizou no cenário nacional, Luciana parece está muito comprometida em dar o troco a qualquer custo. A seu favor tem sua experiência de anos na vida pública, o apoio do governo do estado, o alto poder aquisitivo, sua excelência em comunicação, bom transito nos seguimentos políticos e outros setores influentes da capital, e principalmente, a atuação política do seu esposo e cabo eleitoral Remi Trinta, que resguardada as devidas proporções, possui capacidades superiores de mudar cenários, vista semelhante, somente na pessoa de Manin Leal, pai da prefeita, que duelará com o gigante Remi nos bastidores destas eleições.

Contra a ex-prefeita pesa a sua própria historia; quatro anos se passaram, mas muitos ainda lembram o desastre que foi sua administração, marcada pela perseguição e traição, ausência da ex-prefeita que só aparecia no município em momentos esporádicos e entrega da administração a pessoas que humilharam os araiosenses. Em sua nova versão, as coisas não mudaram muito, a qualidade do seu grupo é uma das piores, e reúne nomes conhecidos dos araiosenses por suas atuações infames em outras administrações e que os munícipes sempre desejaram esquecer.

Dr. Cristino

Com a saída do único candidato filho de Araioses, Manoel da Polo, para apoiar a candidatura de Cristino, que há anos trabalha e mora no município, o médico ganhou em muito no que se refere à qualidade, mas a falta de uma boa assessoria e sua ingenuidade política, não o permitiu usar o grande trunfo sonhado por Luciana, para ganhar em quantidade do seu lado.

Desta forma o médico, ao contrario de outros concorrentes, aparece com o melhor grupo no quesito qualidade. E embora tenha no seu meio, como porta voz, a representação de décadas da negociata política de Araioses, na grande maioria o grupo é formado por homens honrados e bem intencionados. Faltou mesmo ao Dr. Cristino para despontar pós-convenção, experiência e habilidade política.

Sei que não foi pedido, mas, minha sugestão como publicitário ao Dr. Cristino no período das convenções, seria fazer o evento do PSDC somente protocolar, e reunir as caravanas dos dois grupos para fazer uma só convenção dia 5. Ele tinha agora dois grandes grupos em torno dele, um motivador de efeito social, mais quatro dias para criar o frenesi nas massas e a possibilidade de lotar o Country Clube, tal qual fez Valéria em sua convenção. Mas no fundo, falou mais alto o orgulho e a ignorância política. E agora, mesmo com o melhor nome de vice dentre todos os candidatos, o grupo de Cristino está mais apagado do que antes.

As chances de Cristino é se apoiar na base apaixonada de Manoel da Polo,que sou testemunha nas minhas andanças que ele tem e é fiel. Assim, o carisma e o bom trânsito que falta em Cristino, serão preenchidos por Manoel. A dupla é boa, falta-lhe ousadia e perspicácia.

Valéria Leal

A mais jovem prefeita do Brasil foi testada em duas eleições, e por duas vezes mostrou aos mais experientes que veio para ficar. Em 2012 tirou o sono de todos os seus adversários e proporcionou o maior vexame eleitoral a ex-prefeita. Em 2014 repetiu a dose com requintes de crueldade, mandando de novo embora a ex-prefeita para a capital humilhada, após ter colocado os seus candidatos Max Barros e Victor Mendes no topo do município, contra Ana do Gás e Zé Reinaldo de Luciana, que nem apareceram em terceiro lugar. 

Contra Valéria pesa o desgaste do governo ao longo do seu mandato, a falta de uma estrutura em comunicação para mostrar os feitos da prefeita e explorar sua imagem, principalmente na sede, onde os níveis de popularidade do governo são inferiores à zona rural, maior flexibilização no dialogo com setores da oposição desde o primeiro ano de seu governo, o que veio ocorrer apenas com a chegada do secretario de Administração Marco Daniel no ano passado.

Positivamente Valéria, inaugurou no município formulas antigas, mas que aqui nunca haviam sido testadas. A prefeita descentralizou o governo, colocando em pastas estratégicas pessoas de perfil técnico e com plenos poderes. Foi assim com a educação, que tem à sua frente uma especialista na área e na saúde que tem uma médica como secretária.

Se Luciana tem o esposo Remi para ir à frente da sua campanha, Valéria tem o seu pai, o popularíssimo Manin Leal. E, enquanto o grupo da ex-prefeita canta; “ É TACA, É TACA, É TACA”, Manin e sua caboclada canta algo mais identificado a expressividade do povo: “É PEIA, É PEIA,VAI SER PEIA DE NOVO”, em uma clara demonstração que as estratégias dos dois grupos não mudou. Enquanto Luciana trabalha a sede e uma suposta elite da cidade, Valéria virá novamente do interior de mãos dadas com os homens e as mulheres do campo.

Outra demonstração do foco das duas administrações; enquanto Luciana durante os seus quatro anos de mandato perfurou apenas dois poços nos povoados do município, Valéria já está fechando a conta com mais de quarenta. Enquanto Luciana se preocupava em deixar a avenida principal da cidade bonita, Valeria abriu estradas na zona rural e recuperou dezenas de trechos.

Se as eleições se polarizarem entre as duas loiras, muitas farpas vão rolar, mas como disse no título desta matéria, Weliton e Cristino estão no páreo, e todos os competidores são fortes e tem boas chances, embora apenas um venha de fato à comemorar no dia 2 de outubro.

Viva a democracia!

Marcio Maranhão
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...