Páginas

sexta-feira, abril 08, 2016

Ex-prefeito do MA devolverá mais de um milhão aos cofres públicos

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) julgou irregulares as contas do município de Ribamar Fiquene, a 675 km de São Luís, e condenou o ex-prefeito Dioni Alves Silva a devolver aos cofres públicos R$ 1.064.000,00, além de aplicação de multa de R$ 132.000,00. 

Entre as irregularidades encontradas pelo TCE, destaque para a ausência de apresentação de folha de pagamento e não recolhimento de INSS. A decisão do órgão ainda cabe recurso.

Outros gestores

Na mesma sessão também foram julgadas as contas do ex-prefeito de Mirador, Pedro Gomes Cabral, referentes ao exercício financeiro de 2008. Ele terá que devolver a quantia de R$ 310.782,29, acrescida de multa de 10% desse total.

O ex-prefeito da cidade de Lagoa Grande doMaranhão, Osman Fonseca dos Anjos, que também teve as suas contas julgadas, terá que devolver R$ 432.000,00 por irregularidades detectadas.

Também foram julgadas irregulares as contas dos ex-presidentes das câmaras municipais de São Bentoe Cajapió. Todos eles terão que devolver R$ 325.541,63 e R$ 267.247,00, respectivamente.

G1 Maranhão
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...